O Departamento de Trânsito (Detran-DF) anuncia o primeiro leilão de veículos apreendidos do ano de 2021 para três dias, de 18 a 20 de janeiro. O primeiro é reservado a centenas de sucatas, que só podem ser adquiridas por profissionais habilitados para o desmanche.

No dia 19, a partir das 9h, 263 carros serão negociados. Na quarta-feira (20/1), 161 motos poderão ser arrematados por lances on-line no site do leiloeiro oficial. Nesse caso, qualquer pessoa maior de 18 anos e residente no DF está autorizada a participar.

Os veículos oferecidos pelo Detran foram recolhidos por infrações de trânsito. Nesses casos, o proprietário não recuperou o automóvel por não dispor da quantia necessária para saldar os débitos ou porque esses eram superiores ao valor do carro.

O produto da venda, agora, será abatido da dívida. Se arrecadar mais do que as multas, o Detran repassa ao proprietário. Se o preço obtido for inferior às quantias devidas, a diferença é inscrita na dívida ativa do DF. O novo dono recebe o veículo sem débitos.

O custo total do bem é a soma do valor do lance vencedor; dos 5% de comissão do leiloeiro; de 0,60% de ICMS; de uma taxa de serviço de R$ 75 a R$ 90; e de uma taxa de emissão do boleto bancário de R$ 5. O pagamento é à vista. Há de se prever também os custos de transferências e de eventual emplacamento, com a nova identificação tipo Mercosul.

Os interessados devem se cadastrar no site do leiloeiro com, no mínimo, 24 horas de antecedência ao leilão, para transmitir os documentos exigidos. São eles: identidade, CPF e comprovante de residência, já que o pregão é aberto apenas a moradores do Distrito Federal. O Detran-DF não faz transferência para outras unidades da Federação.

Visitação

Haverá visitação para os veículos conservados no Pátio da FlexLeilões, no STRC Sul, Trecho 2, Conjunto B, lotes 2/3, próximo ao Detran do Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), de 11 a 15 de janeiro, das 8h30 às 17h30. Para evitar aglomeração, é obrigatório agendar a visita por e-mail [email protected], pelo WhatsApp (61) 99625-0219 ou pelo telefone (61) 4063-8301.

A visita é limitada ao exame visual do carro ou da moto. Não é permitido testar ou mesmo verificar as condições de funcionamento dos veículos, que são vendidos no estado em que se encontram, sem possibilidade de recurso ou reembolso em caso de reparos.

Destaques

Na terça-feira, há dezenas de opções a partir de R$ 1 mil no lance inicial, de várias marcas, modelos e anos de fabricação. Os que chamam mais à atenção estão a partir de R$ 4 mil: Fiat Linea (2015), Hyunday HB20 (2018), VW Up (2016), GM Omega (2008), 2 Renault Duster (2013) e Jeep Cherokee (2008).

No topo da lista, aparecem Fiat Strada Working 2014 (R$ 4,5 mil), Toyota Corolla 2010 (R$ 4,5 mil), ônibus Induscar 2007 (R$ 4,5 mil), Mercedes Sprinter 2008 (R$ 5 mil), Ford Ranger 2009 (R$ 6,5 mil), Ford Ranger 2013 (R$ 6,5 mil), Nissan Frontier 2011 (R$ 6,5 mil), VW Amarok 2015 (R$ 8 mil) e o Chevrolet Camaro amarelo 2013, que tem lance inicial de R$ 15 mil.

Os bens são vendidos no estado em que se encontram, considerados examinados pelos licitantes, e não cabe quaisquer reclamações posteriores, nem direito à reclamação por vícios redibitórios e tampouco pedir abatimento no preço.

Na quarta-feira, reservada às motos, muitas opções a partir de R$ 400. Nos modelos com lances iniciais mais elevados, há três Honda NXR 160 de 2017 por R$ 1,2 mil cada, um Honda 250 Twister de 2018 por R$ 1,4 mil e um Honda VT600 Shadow de 2001, também a partir de R$ 1,4 mil.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Aviso

O blog Motos de Leilão não organiza leilões, aqui apenas divulgamos os leilões que estão abertos pelo Brasil.

Não temos qualquer associação com qualquer leiloeiro no Brasil.

Por isso mesmo não entramos em contato com você para vender motos ou outros bens de leilão.

Fazemos apenas um trabalho de divulgação dos leilões que ocorrem pelo Brasil.

Tome cuidado com golpes em leilão, eles estão crescendo de maneira assustadora, por isso mesmo, antes de participar de um leilão, leia nosso artigo sobre o assunto, para evitar golpes clicando aqui.

 

Deixe um comentário

Deixe um comentário